XYKAUÁ

by Simples Rap'ortagem | 20:40 in |

AUTORIA: Jorge Hilton

Diz a lenda, que eles podiam manipular
A energia de um som que fazia hipnotizar
A SimplesRap foi nas profundezas pesquisar
E descobriu o toque ancestral dos Xykauá (Dos Xykauá)
Não duvide do poder não, desse som, que era feito, em equação
As corujas vinham em multidão

Psicodélico, medicinal
Levada louca, black pow
Não atrai chuva, mas espanta o mal
Dance a dança ancestral

Sempre com as irmã, sempre com os irmão 4X

Eles não eram feiticeiros, só usavam a magia
O éter, o prana e um toque de astrologia
De dia comiam trigo e a noite trigonometria
Logaritmica canção, é o que se ouvia (É o que se ouvia)
Que se ouve e se sente, que fala ao subconsiente
Enquanto a razão desconfia mexe com a mente

Calma, não fique grilado não
Se quer achar explicação
Um ritual é a solução
Comece a cantar o refrão

Sempre com as irmã, sempre com os irmão 4X

Isso não é brincadeira, aviso, (não é brincadeira)
A ciência, dos Xykauá, (Rá) rompeu fronteira
Barreira, herdeira, SimplesRap mensageira
O toque sagrado vai mexer com uma geração inteira (ração inteira)
E cumprindo a obrigação, o trase trás inspiração
Nos hieróglifos se leu a descrição

Fechando o ciclo magnético
Nem adianta tu ser cético
A Simples Rap é som doméstico
Maldição cairá sobre os céticos

Sempre com as irmã, sempre com os irmão 4X

O inconsciente, capta, a dúvida agita
O ocidente, se irrita, e quem não acredita
Ayaka, selukemê, zolukemi
Ayaka, selukemê, zolukemi
Selu-kemê, zolukemi
Selu-kemê, zolukemi